terça-feira, 21 de junho de 2011

Esclerose Múltipla e Psicoterapia

Em Londres na Universidade de Nottingham, os pesquisadores oferecem apoio emocional às pessoas com esclerose múltipla através de sessões em grupo de psicoterapia que visa uma melhor qualidade de vida. 

No Reino Unido, a depressão e a ansiedade são comuns entre os portadores da esclerose múltipla, uma condição neurológica que afeta cerca de 100.000 pessoas. 

Esse atendimento faz parte de um grande estudo multicêntrico sobre a questão de determinar se a psicoterapia deve ser incorporada aos serviços de esclerose múltipla atualmente prestado para a comunidade. 

A professora Nadina Lincoln, do Instituto da Universidade do Trabalho, da Saúde e Organizações, conduziu o estudo que foi financiado pela Sociedade de Esclerose Múltipla. Os resultados mostram que as pessoas que participaram das sessões de grupos terapêuticos tinham menos problemas de ansiedade e depressão, um menor impacto da doença na sua vida diária e também uma melhor qualidade de vida.

A próxima etapa da investigação será avaliar se a terapia de grupo funciona igualmente bem em outros centros, através de um estudo maior com a esperança de que o tratamento possa ser amplamente fornecido para todos os portadores de esclerose múltipla em outras áreas do país. 

Segundo Susan Kohlhass da Sociedade de Esclerose Múltipla: "Sessão de grupo pode reduzir a ansiedade e a depressão é melhorar a qualidade de vida das pessoas com EM. Estamos comprometidos com esse trabalho que irá em breve beneficiar inúmeras pessoas com a doença”.

Se o Brasil seguisse o exemplo do Reino Unido certamente teríamos um avanço significativo na qualidade de vida e na saúde do nosso povo!!!

Este estudo está disponível através da revista OnlineFirst seção na web:


Rosani Ap. Antunes Teixeira
Neurônios no Divã

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Vídeo - Esclerose Múltipla

A Esclerose Múltipla é uma doença inflamatória crônica que acomete, em geral, indivíduos jovens e provoca dificuldades motoras e sensitivas que comprometem muito a qualidade de vida de seus portadores.

Não se conhece ainda as reais causas da doença, mas sabe-se que sua evolução difere de uma pessoa para outra e que é mais comum em mulheres e em indivíduos de pele branca.

Esse excelente vídeo retirado do youtube fala sobre a doença Esclerose Múltipla e explica como a doença age no organismo.




Com alguns cuidados como: redução do estresse, alimentação equilibrada e repouso adequado, muitas pessoas que sofrem de EM levam vidas produtivas e felizes.

Rosani Ap. Antunes Teixeira
Neurônios no Divã

terça-feira, 14 de junho de 2011

A família no Alzheimer

O vídeo abaixo é uma homenagem de uma filha a sua mãe com Alzheimer.

É um filme emocionante, e nós faz refletir sobre a situação dos parentes e familiares do paciente com essa doença. Não é só o paciente de Alzheimer que necessita de cuidados, a família sofre e muito com a progressão da doença... não ser reconhecido pelo esposo sempre tão amoroso, pela mãe que já não sabe mais quem é você... sim, isso acontece aos familiares desses pacientes, é muito triste e doloroso, e infelizmente não tem solução.

Os familiares precisam de assistência e cuidado para compreender e aceitar esses sintomas, para trabalhar com as angústias de ver progressivamente a pessoa querida perdendo as memórias, as lembranças e autonomia. Como aceitar que o pai, chefe de família, que sempre foi independente, trabalhou a vida inteira e sustentou a família, com a progressão do Alzheimer necessite de ajuda para ir ao banheiro e não tenha controle dos esfíncteres? Simplesmente, não é simples nem fácil....

 



Daniela Tsubota Roque  e   Rosani Ap. Antunes Teixeira

Neurônios no Divã: Psicologia e Neurociências
Blog feito por psicólogas que acreditam em neurônios